A pergunta é: Até Quando? Até quando vamos continuar tropeçando nas mesmas pedras?


26 de dezembro de 2013
Reflexão
Reflexão

Todos os dias um homem caminha a noite em seu quintal e ao passar perto de uma árvore tropeça em uma grande pedra. Dia após dia ele volta e tropeça nesta mesma pedra. E em todas as vezes que tropeça sente uma grande dor.

Ao ler o parágrafo acima ficamos perplexos, pois não podemos acreditar que tal pode existir uma pessoa assim, alguém que consiga tropeçar todo dia na mesma pedra, se ao menos tropeçasse em uma pedra diferente... Seria então mais aceitável.

A verdade, no entanto, é que realmente não existe uma pessoa assim, mas sim bilhões de pessoas agindo exatamente assim. Estas pessoas que tropeçam todos os dias na mesma pedra somos nós: seres humanos, sim, eu e você, passamos toda nossa vida agindo assim.

A pergunta é: Até Quando? Até quando vamos continuar tropeçando nas mesmas pedras?

Aparentemente não apenas tropeçamos nas mesmas pedras, mas é como se estivéssemos obcecados por chutar furiosamente estas pedras, e mesmo que a dor provoque um grande urro nós voltamos e conseguimos pouco tempo depois tropeçar novamente.

Parece, às vezes, engraçado, mas não é, ao contrário: é triste.

Cometemos os mesmos erros, falhamos de maneira idêntica e após muito tempo voltamos a demonstrar que não aprendemos a lição, que não estamos prontos. Ainda não.

A pergunta permanece: Até quando?
Aprender significa parar de errar e começar a acertar. Até quando aceitaremos o erro como algo normal?
Abra os olhos e veja a pedra que tem sido sua inseparável companheira e aprenda a se esquivar dela, pois errar é humano, mas aprender com os erros é ainda a nossa maior qualidade.

Até quando? Até o momento em que você estiver tão indignado com seus tropeços (e com sua dor) que passe a ver esta pedra como algo realmente ruim.

Até que você não suporte esta situação, então você estará apto a escolher uma das três soluções que resolvem este problema: retirar a pedra do seu caminho, retirar seu caminho da direção da pedra ou aprender a saltar por sobre ela.
Até quando? Até quando você quiser. E aceitar.

Gilliard Lima



- Artigo publicado originalmente no site FraseseReflexoes.Net -