Aprender com este erro pode ser a diferença entre o fracasso e a vitória em nossa vida.


6 de julho de 2014
Contra a Parede?

Contra a Parede?


"E chamou aquele lugar Massá e Meribá, por causa da contenda dos filhos de Israel, e porque tentaram ao Senhor, dizendo: Está o Senhor no meio de nós, ou não?"
(Êxodo 17.7)

Contra a Parede?



Há um mal que se alastra sobre a terra e tem derrubado muitos homens: tentar ao Senhor Deus.

O povo de Israel fez isto diversas vezes e no capítulo de hoje o fizeram quando sentindo sede disseram: "Está o Senhor no meio de nós, ou não?"

Hoje, os homens tem feito isto de diversas formas, mas todas tem um detalhe em comum: Tentam colocar Deus "contra a parede", [como se isto fosse possível]. Jesus, após ser batizado por João Batista foi levado pelo diabo a um lugar alto e disse: "Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces com o teu pé em alguma pedra." (Mateus 4.6) Ao que Jesus respondeu: "Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus."

Veja que o objetivo contínuo do inimigo é desacreditar a Palavra de Deus, e ao mesmo tempo jogar o homem contra Deus. Infelizmente em muitos casos ele tem obtido relativo sucesso, quando convence o homem a tratar Deus como se este fosse obrigado a se sujeitar a sua vontade, [novamente digo: como se isto fosse possível].

No capítulo 17 de Êxodo o povo sentia sede, e ao invés de clamar com fé, resolveu murmurar e tentar a Deus: "Está o Senhor no meio de nós, ou não?". Se nós não vigiarmos faremos igual a eles, ou ainda pior: imitando o próprio diabo que disse a Jesus: Se tu és o Filho de Deus. Na verdade, muitas pessoas estão agindo assim ao dizer: "Se tu és Deus então isto não pode acontecer em minha vida.", "Se Deus existe então isto ou aquilo não pode acontecer" ou "Porque Deus deixou isto acontecer?".

Precisamos reter firme em nosso coração que Deus não é ou deixa de ser por conta do que nós pensamos, falamos ou fazemos. Ele É Deus, e continuará sendo, mesmo que alguém não acredite nEle. Porém, é importante ressaltar que Ele escolheu abençoar apenas aqueles que acreditam em Suas Palavras, que não O tentam, mas que O amam. E isto é o mais importante.

Não importa o que o diabo diz, o que importa é o que Deus É. Ele é o Criador de Universo, Salvador dos Homens, Todo Poderoso, Amigo Fiel e Verdadeiro, Grande e Soberano Senhor, Pai Eterno, nosso Bom Deus.

E é assim que precisamos tratar aquele que tem olhado por nós continuamente, de acordo com o que Ele É.

Perguntas para Reflexão:


1) Como tenho tratado Deus? Questiono sua autoridade? Discordo do que Ele tem permitido ou respeito suas decisões?

Reflexão na Prática


Leia hoje o capítulo 17 de Êxodo.

Gilliard Lima

Seleção de Reflexões

Confira esta Seleção de Reflexões Evangélicas!

- Reflexão publicada originalmente no site FraseseReflexoes.Net -