Israel decidiu se afastar de Deus, mas Deus decidiu que independente do que Israel fará Ele nunca o abandonará.


24 de agosto de 2014
A Decisão de Israel

A Decisão de Israel


"Todavia, ainda assim, quando eles estiverem na terra dos seus inimigos, não os rejeitarei nem os abominarei a ponto de consumi-los totalmente e quebrar o meu pacto com eles; porque eu sou o Senhor seu Deus."
(Levítico 26:44)

A Decisão de Israel



O Senhor Deus de Israel, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, tem cumprido integralmente Sua Palavra. No capítulo de hoje vemos que Deus prometeu aos israelitas que eles seriam extremamente prósperos se vivessem conforme os estatutos, os preceitos e as leis que o Senhor firmou entre si e os filhos de Israel, no monte Sinai, por intermédio de Moisés. Elas eram boas, trariam saúde física, emocional e espiritual ao povo. Eles seriam abençoados em tudo, se ouvissem as Palavras de Deus, e obedecessem. Se, porém, fossem rebeldes colheriam o extremo oposto, mas mesmo assim Deus não desampararia Israel.

Depois que Israel chegou a Terra Prometida e tomou posse dela se esqueceram de tudo, e como nação se rebelaram contra Deus, e fizeram o que era mal aos olhos do Senhor - matando, roubando, adorando a falsos deuses, mentindo e adulterando - e Deus cumpriu o que já havia prometido: deixou o Povo ser castigado. Eles foram levados como prisioneiros, voltaram a ser escravos, como eram quando Deus os tirou do Egito, perderam a Terra Prometida. Mas Deus ainda estava cuidando deles, ainda que continuassem rebeldes e ingratos.

Muito tempo se passou, eles foram maltratados, humilhados e quase totalmente exterminados, mas no ano de 1948 Deus tornou a reunir o seu povo como nação, para cumprir tudo o que dissera a respeito de Israel. Deus não se esquece das alianças que Ele faz, Deus não deixa de cumprir Sua Palavra, Deus é Fiel. O Povo de Israel ainda tem sofrimentos pela frente, isto é certo, mas o remanescente de Israel será salvo, por meio daquele que eles rejeitaram, por meio de Jesus Cristo, o Filho de Deus.

Podemos imaginar que Deus se esqueceu, que Ele não está vendo, que não se importa, mas a verdade é que Deus, em sua grandeza inigualável, não deixa de conhecer nem mesmo um único fato sobre a face da terra, o universo inteiro está na palma de sua mão, e ao mesmo tempo sua mão também sobre todo aquele que nEle crê. Ele é um Deus bom que zela pelo seu povo, que nos dá leis santas e justas para nos ensinar o que é certo e o que é bom. Sejamos, pois, gratos a este nosso bom Deus, fazendo o que é agradável diante dEle, pois Ele não nos abandona, em momento algum, mas em todo tempo está conosco, buscando oportunidade para demonstrar Seu Amor, e Sua Graça.

Israel decidiu se afastar de Deus, mas Deus decidiu que independente do que Israel fará Ele nunca o abandonará.

Perguntas para Reflexão:


1) O que está escrito no capítulo de hoje sobre aqueles que obedecerem a Deus?

Reflexão na Prática


Leia hoje o capítulo 26 de Levítico.

Gilliard Lima

Seleção de Reflexões

Confira esta Seleção de Reflexões Evangélicas!

- Reflexão publicada originalmente no site FraseseReflexoes.Net -