"Ações são simplesmente retratos de nossa alma." - Gilliard Lima


25 de agosto de 2014
Retratos da Alma

Retratos da Alma


"Estes são os mandamentos que o Senhor ordenou a Moisés, para os filhos de Israel, no monte Sinai." (Levítico 27:34)

Retratos da Alma



Os Mandamentos de Deus não são pesados. Durante a leitura do livro de Levítico observamos que Deus entrega aos filhos de Israel, por intermédio de Moisés, os Seus Mandamentos. Para quem lê este livro com um interesse apenas histórico o entendimento pode ser obscurecido quanto ao propósito desta ação, agora para quem lê com o objetivo de se aproximar de Deus a cada versículo passa a ter mais visão da Grandeza e da Glória do Deus de Israel.

Olhando para o livro como um todo duas coisas saltam aos olhos:

1° Deus é Santo: Esta é uma definição que nem de longe captamos realmente o significado, pois por mais que percebamos que santo representa algo puro, separado, inocente, perfeito, incorruptível, sincero e impecável, mesmo assim estamos apenas tateando no escuro quando tentamos definir como Deus é Santo, pois vai muito além do que o corrupto coração humano pode compreender. A Santidade de Deus só pode ser vislumbrada através de sua obra, pois ela é tão perfeita e grandiosa que expressa com grande clareza a Perfeição de Deus em tudo que Ele faz.

2° Deus busca um Povo Santo: Esta por natureza não é a condição do ser humano. Criado a imagem e semelhança de Deus o homem logo se mostrou rebelde e inconsequente, levado por qualquer opinião aceitava tudo que lhe diziam, menos o que o seu Criador dizia. Se afastou a tal ponto que despencando no abismo da morte foi alcançado pela Poderosa Mão de Deus. Recebeu então uma nova oportunidade, Deus deu aos homens o conhecimento do que lhe agradava e do que não o agradava, proveu meios de se alcançar perdão pelos erros, realizou maravilhas diante dos seus olhos, e os abençoou de maneira sobrenatural. Porque Deus fez isto? Porque nos amou. Amou Sua criação, de tal maneira que por fim aceitou entregar seu próprio filho para por meio dele pagar o resgate por nossa vida. Deus ainda busca um povo Santo, um povo que deseja ser agradável ao Seu Deus.



Olhando para o cuidado de Deus com o Povo de Israel é impossível não chegar a conclusão que Deus desejava fazer de Israel um Jardim, e como no Jardim do Éden caminhar novamente com o homem, e ser o seu Deus, e fazer deles o Seu Povo. Deus busca um povo que o ame tanto pelo que Ele é quanto pelo que Ele faz. Afinal de contas, ações são retratos da alma. Se eu amo a Deus pelo que Ele é também amarei cada uma de suas ações, independente do impacto delas na minha vida.

Agora uma questão para pensar: Se minhas ações são retratos da minha alma, qual e o estado atual da minha alma? Minhas ações são perfeitas diante de Deus, ou causariam constrangimento se por Ele fossem examinadas? Se minha vida gera uma álbum de fotografias, qual tem sido o tema deste álbum? Não se deixe enganar suas ações gritam com toda a força quem você é, de verdade.

"Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?" (Mateus 7:15-16)

Deus é Santo e nos convida a ser Santo também, pois com a Graça de Deus, a Justificação de Jesus Cristo - o Filho de Deus - e, movidos por Seu Santo Espírito, certamente seremos agradáveis Àquele que é merecedor de toda Honra, Glória e Louvor, eternamente.

Retratos da AlmaPerguntas para Reflexão:


1) Os Retratos de hoje da minha Alma foram bonitos ou feios?

Reflexão na Prática


Leia hoje o capítulo 27 de Levítico.

Gilliard Lima




- Reflexão publicada originalmente no site FraseseReflexoes.Net -